Reserva Ecológica do Alcobaça

Endereço

Estrada Cascatinha Visualizar no mapa

Cascatinha

Rede/Holding: Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis - IBAMA

Contatos

Telefone: (08) 0002-4151

Seu Nome:

Seu Email:

cancelar    

Latitude:
22°28'18.94'' S
Longitude:
43°07'00.15'' W
Localização:
em propriedade pública
Pontos de referência:
Utilizar a trilha para o Pico do Alcobaça, que está localizado dentro da reserva.
Nome da localidade:
Centro
Distância da localidade mais próxima:
4 km
Distância do Centro (Ponto zero) do município:
4 km
Sinalização geral de acesso:
não sinalizado
Sinalização turística:
não sinalizado
Urbana:
totalmente pavimentada
Tipo de pavimentação:
asfáltica
Rural:
Nome da principal via de acesso:
Rua Hivio Naliato
Tempo necessário para chegar ao atrativo partindo da localidade mais próxima (em minutos):
30
Descrição do acesso:
ladeira íngreme, ladeira suave
Tipo de transporte:
ônibus regular
Outras informações:
Empresa:
Viação Cascatinha
Telefone: 2236-2785
Unidade de proteção integral:
reserva biológica
Unidade de uso sustentável:
área de proteção ambiental
Época de visitação:
o ano inteiro
Horário:
Horário especial:
atendimento 24hs
Visita:
autoguiada livre
Guia de turismo / monitor:
Entrada:
gratuita
Época de maior visitação:
junho, julho
Época de menor visitação:
janeiro, dezembro
rapel, escalada, caminhada
Relevo e hidrografia:
montanha
Presença de:
iluminação natural
Tipo de formação:
arenito
Tipo de vegetação:
floresta
Predominância de formação vegetação:
arbórea
Tipo de fauna:
endêmica
Melhores meses de observação:
setembro
Tipo de flora:
endêmica
Melhores meses de observação:
setembro
Características físicas:
área (km²): 2.280
Público-frequentador:
moradores, jovens
Observações complementares:
A Reserva Ecológica do Alcobaça foi criada em 05 de maio de 1989, pelo Decreto nº 97.717.Está situada no 2º Distrito de Petrópolis e ocupa uma área de 2.280.000 m² com altitude que varia aproximadamente entre 825 m e 1.040 m e se estende até os municípios de Magé e Teresópolis. Trata-se de um ecossistema representativo da Mata Atlântica, com trechos de mata primária, encontrando-se atualmente em excelente estado de conservação.

Nas primeiras décadas do século XX, a área da atual reserva fazia parte da Fazenda Alcobaça, de propriedade do empresário José Soares Maciel Filho, dono da Companhia Petropolitana, maior fábrica de tecidos da região. Após a falência da fábrica, a área da antiga fazenda foi vendida em 1982 ao BNH - Banco Nacional de Habitação, que lá pretendia fazer 2.500 unidades habitacionais. O tipo de ocupação pretendida acarretaria, sem dúvida, em séria degradação para os recursos hídricos. Isto levou a comunidade a se organizar para preservar a floresta. Em 1984 foi criada a ADMA - Associação em Defesa dos Mananciais do Alcobaça, que assumiu a responsabilidade pela preservação da floresta e gestão dos recursos hídricos. Os moradores de Cascatinha passaram a se mobilizar e houve até coleta de dinheiro para pagar os guardas que evitavam o desmatamento, as queimadas e ajudavam na conscientização de todos para acabar com o despejo do lixo.Em 1986, a área foi passada para a Caixa Econômica Federal, por ocasião da extinção do BNH. Ainda nesta época, segundo os moradores da região, sem bombeiros e guardas florestais, foi difícil manter a integridade da reserva. O desmatamento, o fogo e a caça sempre rondavam a área, que só viria a ter seu merecido status oficial de Reserva Ecológica em 1989. Além da preservação de uma área de florestas e mananciais, outro dado importante é que a Reserva do Alcobaça passou a integrar o Parque Nacional Serra dos Órgãos.
principais trilhas: Trilha para o Pico do Alcobaça., principais formações rochosas: Pico do Alcobaça
As informações foram fornecidas pelos prestadores de serviços, e esses são responsáveis pela sua exatidão. Esclareça diretamente todas as suas dúvidas antes de planejar a sua viagem.